Tag Archives: Professor

Lançamento do livro “Um olhar…”

 

Na noite do dia 28 de setembro, em agradável convívio de amigos, a Biblioteca da Escola Secundária da Gafanha da Nazaré acolheu o lançamento do livro “Um olhar…”, de João Alberto Roque. Homem da terra, de formação na área das ciências, o seu gosto e dedicação à escrita já vem de alguns anos. Participou em diversos concursos literários que lhe valeram a obtenção de prémios a nível nacional e além-fronteiras. Tem textos em diversas publicações, quer coletivas, quer individuais. Escreve em resposta a desafios, mas também sobre si e sobre a sua visão do mundo. Começou a escrever por deleite, depois submeteu-se à métrica e às regras do soneto e transformou-as em desafios, disciplinando a sua criatividade.

Este evento constituiu uma celebração à escrita e uma oportunidade para que a comunidade da Gafanha da Nazaré possa refletir sobre a importância da escrita na nossa vida.

Usamo-la como forma de comunicação para nos entendermos. O João usou-a como forma de catarse e reflexão sobre a vida, como ele próprio afirma. Para nós, ele criou com arte, exprimiu ideias e sentimentos com beleza. Deixou-nos metade de uma obra que nos compete completar, seguindo a linha de pensamento do escritor britânico Joseph Conrad “ O autor só escreve metade do livro. Da outra metade deve ocupar-se o leitor”. Mas a escrita é acima de tudo um valor civilizacional, uma arma poderosa que permite ao homem compreender melhor o mundo e de transformá-lo, de escolher em consciência e em liberdade, resistindo às pressões e às diversas formas de subjugação e de escravatura do seu tempo.

Piedade Gomes

A reportagem fotográfica é da Prof. Fátima Viana.

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under Atividades, biblioteca em ação, Promoção da leitura

Cacilda Marado volta à escola

cacilda-marado

Deixamos aqui o convite à comunidade educativa da Gafanha da Nazaré.

2 comentários

Filed under Atividades, biblioteca em ação, Promoção da leitura

Ser professor

Ser professor é professar a fé e a certeza de
que tudo terá valido a pena se o aluno sentir-se feliz
pelo que aprendeu com você e pelo que ele lhe ensinou…

Ser professor é consumir horas e horas pensando
em cada detalhe daquela aula que, mesmo ocorrendo
todos os dias, a cada dia é única e original…

Ser professor é encontrar pelo corredor com cada aluno,
olhar para ele sorrindo, e se possível, chamando-o
pelo nome para que ele se sinta especial…

Ser professor é entrar cansado numa sala de aula e,
diante da reação da turma, transformar o cansaço
numa aventura maravilhosa de ensinar e aprender…

Ser professor é envolver-se com seus alunos
nos mínimos detalhes, vislumbrando quem está
mais alegre ou mais triste, quem cortou os cabelos,
quem passou a usar óculos, quem está preocupado
ou tranquilo demais, dando-lhe a atenção necessária…

Ser professor é importar-se com o outro numa
dimensão de quem cultiva uma planta muito rara que
necessita de atenção, amor e cuidado.

Ser professor é equilibrar-se entre três turnos de
trabalho e tentar manter o humor e a competência para
que o último turno não fique prejudicado…

Ser professor é ser um “administrador da curiosidade”
de seus alunos, é ser parceiro, é ser um igual na hora
de ser igual, e ser um líder na hora de ser líder,
é saber achar graça das menores coisas e entender
que ensinar e aprender são movimentos de
uma mesma canção: a canção da vida…

Ser professor é acompanhar as lutas do seu tempo
pelo salário mais digno, por melhores condições de trabalho,
por melhores ambientes fisicos, sem misturar e confundir jamais
essas lutas com o respeito e com o fazer junto ao aluno.
Perder a excelência e o orgulho, jamais!

Ser professor é saber estar disponível aos colegas
e ter um espírito de cooperação e de equipe na troca
enriquecedora de saberes e sentimentos,
sem perder a própria identidade.

Ser professor é ser um escolhido que vai fazer “levedar a massa”
para que esta cresça e se avolume em direção
a um mundo mais fraterno e mais justo.

Ser professor é ser companheiro do aluno, “comer
do mesmo pão”, onde o que vale é saciar a fome
de ambos, numa dimensão de partilha..

Ser professor é ter a capacidade de “sair de cena,
sem sair do espetáculo”.
Ser professor é apontar caminhos, mas deixar que
o aluno caminhe com seus próprios pés…

Darwin Ianuskiewtz

 

Hoje, dia 5 de outubro, Dia do Professor publicamos este texto que aparece truncado em muitos sites na internet e sem referência ao seu autor: Darwin Ianuskiewtz, um professor brasileiro.

Deixe um comentário

Filed under Atividades

Dia Mundial do Professor

Para comemorar o Dia Mundial do Professor, elaborámos um folheto que foi distribuído aos professores do agrupamento, deixando uma mensagem:

A equipa das Bibliotecas do Agrupamento de Escolas da Gafanha da Nazaré, neste dia 5 de Outubro,  lembrou-se de ti que és Professor.

Dia Mundial do Professor 1

Educar é ser um artesão da personalidade, um poeta da inteligência, um semeador de ideias.

Augusto Cury

Dia Mundial do Professor 2

Chegámos num dia que não recordamos, mas que celebramos anualmente; depois, pouco a pouco, a neblina foi-se desfazendo nos objetos até que, por fim, conseguimos reconhecer-nos ao espelho. Nessa idade, não sabíamos o suficiente para percebermos que não sabíamos nada. Foi então que chegaram os professores. Traziam todo o conhecimento do mundo que nos antecedeu. Lançaram-se na tarefa de nos atualizar com o presente da nossa espécie e da nossa civilização. Essa tarefa, sabemo-lo hoje, é infinita.

José Luís Peixoto, Os professores (Extrato) in revista Visão (Outubro, 2011)

Deixe um comentário

Filed under biblioteca em ação